#Factuais

Governador do AM recomenda desobrigação do uso de máscaras em todo o Estado

A liberação do item de proteção, no entanto, depende da decisão das prefeituras (Tácio Melo/ Secom)

Bruno Pacheco – Da Revista Cenarium

MANAUS — O governador Wilson Lima (União Brasil) anunciou na manhã desta quarta-feira, 23, a desobrigação do uso de máscaras em lugares fechados em todo o Amazonas. A determinação foi tomada após uma reunião com o Comitê de Enfrentamento à Covid-19 e uma análise de dados epidemiológicos indicar números favoráveis para a decisão.

Ao lado do secretário de Saúde do Amazonas (SES-AM), Anoar Samad, e da diretora-presidente da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Drª. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP), Tatyana Amorim, o governador destacou a baixa de casos de Covid-19, internações e óbitos pelo coronavírus, além da vacinação contra a pandemia. A desobrigação do item de proteção, no entanto, depende da decisão das prefeituras.

“Hoje, o Estado está recomendando a desobrigação do uso de máscara em todo o Amazonas. Isso é possível em razão da diminuição dos casos de internações, dos casos de óbitos e também dos casos confirmados do vírus. É importante que as pessoas continuem se vacinando, porque ela [a vacina] é a arma que a gente tem mais poderosa contra a Covid-19”, declarou Wilson Lima.

Lugares abertos

Em lugares abertos, o uso de máscara em todo o Estado também estava liberado desde o dia 11 deste mês. Na decisão, anunciada pelo governador Wilson Lima à época, a recomendação é que pessoas com mais de 70 anos permaneçam utilizando o item de proteção contra a Covid-19 por serem consideradas mais vulneráveis ao vírus.

No interior do Amazonas, cidades como Parintins, Manacapuru, Benjamin Constant, Maués, Itapiranga e Atalaia do Norte já liberaram o uso de máscaras em locais abertos. As prefeituras também alegaram a diminuição no número de infectados pelo coronavírus e a baixa quantidade de pessoas internadas por conta da Covid-19.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

*

*

*

A AUTORA

Graduada em Jornalismo, Paula Litaiff tem especialização em Gestão de Políticas Sociais e, atualmente, é diretora executiva da Agência e Revista Cenarium. Há 16 anos, atua no Jornalismo de Dados, em Reportagens Investigativas e debate de temas sociais. Produziu matérias para veículos de comunicação nacional, como Jornal Estado de S. Paulo e Jornal O Globo. Seu trabalho jornalístico contribuiu na produção do documentário Killer Ratings da Netflix.

Paula Litaiff é Diretora de Redação em

O SITE

O Site da Paula Litaiff tem como principal finalidade a emissão de opinião sobre diversos temas sociais, políticos e econômicos, levando o leitor à reflexão sobre a importância de se tornar um agente transformador da sociedade.


Tenho medo de escrever. É tão perigoso. Quem tentou, sabe. Perigo de mexer no que está oculto – e o mundo não está à tona, está oculto em suas raízes submersas em profundidades do mar. Para escrever tenho que me colocar no vazio. Neste vazio é que existo intuitivamente. Mas é um vazio extremamente perigoso…

(in Um Sopro de Vida | CLARICE LISPECTOR)