Paula Litaiff

‘Fim de ano Solidário’: Ativista realiza campanha para doações de cestas básicas à comunidade LGBTQIA+ em Manaus

A estimativa é de que 300 kits e cestas básicas sejam arrecadados até 22 de dezembro (Divulgação)
Priscilla Peixoto – Da Revista Cenarium

MANAUS – O ativista e educador em saúde, com foco na população LGBTQIA+, Lucas Brito, 26, está promovendo uma campanha de arrecadação de cestas básicas e produtos de higiene voltados para integrantes de casas que apoiam a comunidade em Manaus. As doações podem ser realizadas por meio de Pix (92) 98450-7199, com qualquer valor, ou com quilos de alimentos e itens que compõem a cesta básica.

Segundo Lucas, a estimativa é de que 300 kits e cestas básicas sejam arrecadadas até 22 de dezembro. “Além das pessoas que já estão em nosso mapeamento, estou articulando para que pessoas pretas, indígenas e ribeirinhas, que estejam em situação de vulnerabilidade, também sejam abraçadas pela campanha. Isso vai depender do alcance da campanha”, explica Brito.

A doação pode ser de qualquer valor ou com quilos de alimentos e itens que compõem a cesta básica (Divulgação)

Além da atividade de entrega das cestas, prevista para o dia 22, o ativista conta que pretende realizar uma segunda parte da ação, em janeiro, mês voltado para celebrar a visibilidade trans. “Caso não consigamos atingir a meta estabelecida, neste primeiro momento, vamos, mesmo assim, realizar as entregas com o que tivermos, e uma segunda etapa será feita em janeiro, por conta do mês da visibilidade trans. A Associação de Travestis Transexuais e Transgêneros do Amazonas (Assotram) está auxiliando na divulgação dessa iniciativa, assim como o Instituto Manas. As duas associações serão beneficiadas.

Dedicação

Ex-presidente da Casa de acolhimento Casa Miga, instituição que recebe brasileiros e refugiados expulsos de casa por conta da orientação sexual ou em situação de vulnerabilidade social, também foi o responsável por organizar uma ação semelhante em maio deste ano.

Na ocasião, 50 cestas foram destinadas para a Assotram, 28 para o Instituto Manas e 37 cestas básicas para a Casa Miga. Aos que desejam conhecer melhor e contribuir com os trabalhos desenvolvidos pelas casas de apoio à comunidade LGBTQIA+, em Manaus, basta entrar em contato com as associações por meio das redes sociais Instagram de cada instituição.

As doações podem ser realizadas por meio do Pix (92) 984507199 (Divulgação)

“A vulnerabilidade que somos colocados, por causa de uma sociedade Lgbtfóbica, faz com que, dentre tantos direitos básicos negados, a fome seja uma realidade na vida de muitos nós. Não podemos pensar em uma comunidade fortalecida se muitos, entre nós, estão sem o mínimo para seguir lutando, que é o alimento de cada dia”, enfatiza o ativista.

A AUTORA

Graduada em Jornalismo, Paula Litaiff é diretora executiva da Revista Cenarium e Agência Amazônia, além de compor a bancada do programa de Rádio/TV “Boa Noite, Amazônia!”. Há 17 anos, atua no Jornalismo de Dados, em Reportagens Investigativas e debate de temas sociais. Escreveu para veículos de comunicação nacional, como Jornal Estado de S. Paulo e Jornal O Globo com pautas sobre Amazônia. Seu trabalho jornalístico contribuiu na produção do documentário Killer Ratings da Netflix.


«

Comentários para este post estão fechados

A AUTORA

Graduada em Jornalismo, Paula Litaiff é diretora executiva da Revista Cenarium e Agência Amazônia, além de compor a bancada do programa de Rádio/TV “Boa Noite, Amazônia!”. Há 17 anos, atua no Jornalismo de Dados, em Reportagens Investigativas e debate de temas sociais. Escreveu para veículos de comunicação nacional, como Jornal Estado de S. Paulo e Jornal O Globo com pautas sobre Amazônia. Seu trabalho jornalístico contribuiu na produção do documentário Killer Ratings da Netflix.

Paula Litaiff é Diretora de Redação em

O SITE

O Site da Paula Litaiff tem como principal finalidade a emissão de opinião sobre diversos temas sociais, políticos e econômicos, levando o leitor à reflexão sobre a importância de se tornar um agente transformador da sociedade.