#Factuais

Estudantes de Jornalismo fazem laboratório na CENARIUM

Acadêmicos de jornalismo na redação da CENARIUM. (Elias Mariano/Revista Cenarium)

Gabriel Abreu – Da Revista Cenarium

MANAUS – Um grupo de estudantes de Jornalismo do segundo período da Faculdade Metropolitana de Manaus (Fametro) participou, no último sábado, 30, de um laboratório na sede da AGÊNCIA CENARIUM, onde tiveram a oportunidade de vivenciar a rotina de produção das várias plataformas, como o online, o impresso e a TV Web. O bate-papo com os profissionais foi a oportunidade de apresentar, aos universitários, como funciona o cotidiano de uma redação jornalística.

A visita à redação da CENARIUM foi acompanhada pelo professor Helder Roman. Ele afirmou que os alunos do segundo período precisam compreender, fora da sala de aula, a rotina da profissão.

“Existe uma ideia equivocada de que os alunos, no começo, só veem teoria e tudo mais, mas ver a prática é importante, ver o mundo real do jornalismo. E a Revista Cenarium é como um portfólio bom. Um exemplo de jornalismo. E, hoje, trouxemos alunos para conversar e mostrar aquelas coisas que a gente não consegue ensinar na sala de aula. Esse foi o nosso objetivo: fazer esse diálogo com os profissionais da Cenarium”, disse o professor.

Os estudantes Victoria Barros (à dir.) e Guilherme Vieira (à esq.) (Gabriel Abreu/Revista Cenarium)

Experiência

O estudante do segundo período, Guilherme Vieira, resumiu como ‘incrível’ a visita à redação, destacando ainda a importância de agendas como essa à formação profissional dos universitários. O aluno da Fametro também enfatizou a relevância do jornalismo feito pela CENARIUM, pautado na ética e na responsabilidade social.

“Eu acho que a Cenarium, pelo menos dos veículos que já visitamos, é um pouco diferente, especialmente, por ser um meio jornalístico comparado com os veículos de comunicação do Sudeste e Sul. Ela é feita dentro do nosso Estado, voltado para o Amazonas, para os amazônidas que moram nos nove Estados da Amazônia brasileira”, disse ele.

“Nós percebemos que realmente é um veículo diferente e que dá uma visão micro e macro da nossa região, de assuntos que eu não conhecia e de autores que são superinfluentes no nosso meio”, pontuou ainda.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

*

A AUTORA

Graduada em Jornalismo, Paula Litaiff tem especialização em Gestão de Políticas Sociais e, atualmente, é diretora executiva da Agência e Revista Cenarium. Há 16 anos, atua no Jornalismo de Dados, em Reportagens Investigativas e debate de temas sociais. Produziu matérias para veículos de comunicação nacional, como Jornal Estado de S. Paulo e Jornal O Globo. Seu trabalho jornalístico contribuiu na produção do documentário Killer Ratings da Netflix.

Paula Litaiff é Diretora de Redação em

O SITE

O Site da Paula Litaiff tem como principal finalidade a emissão de opinião sobre diversos temas sociais, políticos e econômicos, levando o leitor à reflexão sobre a importância de se tornar um agente transformador da sociedade.


Tenho medo de escrever. É tão perigoso. Quem tentou, sabe. Perigo de mexer no que está oculto – e o mundo não está à tona, está oculto em suas raízes submersas em profundidades do mar. Para escrever tenho que me colocar no vazio. Neste vazio é que existo intuitivamente. Mas é um vazio extremamente perigoso…

(in Um Sopro de Vida | CLARICE LISPECTOR)