Paula Litaiff
O presidente Jair Bolsonaro (à esquerda) e o candidato Luiz Inácio Lula da Silva (à direita) (Thiago Alencar/CENARIUM)
#Factuais

Bolsonaro versus Lula: Estados da Amazônia se dividem quando o assunto é intenção de votos

O presidente Jair Bolsonaro (à esquerda) e o candidato Luiz Inácio Lula da Silva (à direita) (Thiago Alencar/CENARIUM)
Marcela Leiros – Da Revista Cenarium

BRASÍLIA – Os Estados da Amazônia Legal brasileira estão divididos quando o assunto é intenção de votos para Presidência da República nas eleições, segundo o Instituto de Pesquisas Cananéia (Ipec). Das nove unidades federativas, quatro — Amazonas, Pará, Tocantins, Maranhão — tem o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) liderando. Em outros quatro — Acre, Mato Grosso, Rondônia, Roraima — o presidente Jair Bolsonaro (PL) ocupa o primeiro lugar na preferência de votos dos eleitores pesquisados. No Amapá, ambos estão empatados tecnicamente.

As pesquisas realizadas pelo instituto, nesses Estados, foram divulgadas entre 23 de agosto e 2 de setembro e contratadas pela TV Globo ou suas afiliadas. O levantamento feito pela REVISTA CENARIUM considerou apenas os dados para intenção de votos quando são apresentados os nomes dos candidatos, desconsiderando a intenção de voto espontânea.

O Estado onde Lula está melhor posicionado é o Maranhão, com 66% das intenções de votos. Com a mesma porcentagem, Bolsonaro “leva a melhor” em Roraima.

Além dos dois, concorrem também à Presidência Ciro Gomes (PDT), Simone Tebet (MDB), Constituinte Eymael (DC), Felipe D’Avila (Novo), Léo Péricles (Unidade Popular–UP), Pablo Marçal (Pros), Sofia Manzano (PCB), Soraya Thronicke (União) e Vera (PSTU). Roberto Jefferson (PTB) também era candidato, mas teve registro de candidatura negado na quinta-feira, 1°, pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Veja abaixo os dados por Estado:

Acre

No Acre, o candidato Jair Bolsonaro está na frente, com 53% das intenções de voto, seguido por Lula que tem 30% das menções. Já em outro patamar, Ciro Gomes é citado por 8% dos eleitores, enquanto os candidatos Pablo Marçal, Simone Tebet e Vera são apontados por 1% cada. Felipe d’Avila e Roberto Jefferson foram mencionados, mas não atingiram 1% das intenções de voto.

Nesta questão, os nomes de Constituinte Eymael, Léo Péricles, Sofia Manzano e Soraya Thronicke constavam no disco apresentado aos entrevistados, porém, não foram citados. Eleitores que têm intenção de votar em branco ou anular o voto eram 3% e aqueles que não sabem ou preferem não opinar totalizaram 4%.

(Ipec)

Amapá

Lula e Jair Bolsonaro estão empatados com 39% no Amapá. O candidato Ciro Gomes aparece com 8% das intenções de voto. A candidata Simone Tebet é mencionada por 2% dos eleitores, enquanto os candidatos Vera e Roberto Jefferson por 1%.

Os candidatos Constituinte Eymael, Felipe d’Avila, Pablo Marçal, Sofia Manzano e Soraya Thronicke foram citados, mas não atingiram 1% das intenções de voto. O nome do candidato Léo Péricles constava no disco apresentado aos entrevistados, porém, não foi citado por nenhum deles.

Eleitores que têm intenção de votar em branco ou anular o voto eram 4% e aqueles que não sabem ou preferem não opinar totalizaram 5%.

(Ipec)

Amazonas

No Amazonas, o ex-presidente Lula aparece com 48% e o atual presidente Jair Bolsonaro tem 35% das intenções de voto. O pedetista Ciro Gomes é mencionado por 6%, enquanto Simone Tebet e Vera são apontadas por 1% do eleitorado, cada. Sofia Manzano e Roberto Jefferson foram citados, mas não atingem 1% das respostas.

Os candidatos Constituinte Eymael, Felipe d’Avila, Léo Péricles, Pablo Marçal e Soraya Thronicke constavam no disco apresentado aos entrevistados, porém, não foram mencionados por nenhum deles. Aqueles que pretendem votar em branco ou anular o voto somaram 5% e são 4% os indecisos.

(Ipec)

Maranhão

No Estado maranhense, considerando também as eleições para presidente da República, Lula tem 66% das intenções de voto entre os eleitores. Jair Bolsonaro aparece em outro patamar, com 18% das menções. Ainda, Ciro Gomes é citado por 5% dos entrevistados, no Estado, enquanto Simone Tebet é por 2% e Roberto Jefferson por 1%.

Os candidatos Constituinte Eymael, Léo Péricles, Sofia Manzano, Soraya Thronicke e Vera são mencionados, mas não atingem 1% das intenções de voto. Já os nomes de Felipe d’Avila e Pablo Marçal constavam no disco apresentado aos entrevistados, porém, não foram citados por nenhum deles.

Eleitores que pretendem votar em branco ou anular o voto são 4% e aqueles que não sabem ou preferem não responder somam 5%.

Mato Grosso

No Mato Grosso, Jair Bolsonaro aparece à frente, com 49% das menções. Em seguida, o ex-presidente Lula é citado por 31% dos eleitores do Estado. Ciro Gomes, por sua vez, é mencionado por 6%, enquanto Simone Tebet por 3%. Pablo Marçal, Sofia Manzano e Soraya Thronicke têm 1% cada um.

Felipe d’Avila, Vera e Roberto Jefferson são citados, mas não atingem 1% das intenções de voto cada. Nesta questão, os nomes de Constituinte Eymael e Léo Péricles (UP) constavam no disco apresentado aos entrevistados, porém, não foram citados. Aqueles com intenção de votar em branco ou anular o voto para presidente somaram 3% e os que não sabem ou preferem não opinar totalizaram 4%.

Pará

Lula, do PT, tem 44% das intenções de voto no Pará. Na sequência, o atual presidente e candidato à reeleição, Jair Bolsonaro, é citado por 35% dos entrevistados. Ciro Gomes tem 9% das menções e Simone Tebet tem 3%. Soraya Thronicke e Vera são apontadas por 1% cada.

Os candidatos Constituinte Eymael, Pablo Marçal e Roberto Jefferson são citados, mas não atingem 1%. Eleitores que têm intenção de votar em branco ou anular o voto são 3% e aqueles que não sabem ou preferem não opinar totalizaram 5%. Nesta questão, os nomes de Felipe d’Avila, Léo Péricles e Sofia Manzano constavam no disco apresentado aos entrevistados, porém, não foram citados.

Rondônia

O Ipec também perguntou aos eleitores de Rondônia em quem votariam para presidente da República se as eleições fossem hoje. O atual presidente, Jair Bolsonaro, obtém 54% das menções dos eleitores do Estado. O ex-presidente Lula aparece na sequência, com 27% das intenções de voto.

Ciro Gomes, por sua vez, é citado por 5% dos eleitores, Simone Tebet é mencionada por 2%, enquanto Pablo Marçal e Vera têm 1% cada um. Os candidatos Felipe d’Avila, Léo Péricles, Sofia Manzano, Soraya
Thronicke e Roberto Jefferson foram citados, mas não atingem 1% das intenções de voto, cada. Nesta questão, o nome de Constituinte Eymael constava no disco apresentado aos entrevistados, porém, não foi citado.

Aqueles com intenção de votar em branco ou anular o voto para presidente somaram 6% e os que não sabem ou preferem não opinar totalizaram 4%.

Roraima

Em Roraima, Jair Bolsonaro lidera com 66% das intenções de voto. Em seguida, Lula é citado por 16% dos entrevistados. Ciro Gomes tem 6% das menções, enquanto Simone Tebet é apontada por 2% dos eleitores. Pablo Marçal e Vera têm 1% cada.

Os candidatos Felipe d’Avila, Sofia Manzano, Soraya Thronicke e Roberto Jefferson são citados, mas não atingem 1% das intenções de voto cada um. Os nomes dos candidatos Constituinte Eymael e Léo Péricles constavam no disco apresentado aos entrevistados, porém, não foram mencionados.

Eleitores que têm intenção de votar em branco ou anular o voto eram 3% e aqueles que não sabem ou preferem não opinar totalizaram 5%.

Tocantins

Entre os eleitores do Tocantins, 46% declaram intenção de votar em Lula, enquanto o atual presidente Jair Bolsonaro é citado por 39% dos eleitores. Ciro Gomes é mencionado por 4% e Simone Tebet tem 1% das intenções de voto. Os nomes dos presidenciáveis Constituinte Eymael, Felipe d’Avila, Pablo Marçal, Sofia Manzano, Vera e Roberto Jefferson foram citados, mas não atingiram 1%.

Aqueles com intenção de votar em branco ou anular o voto somaram 4% e os que não sabem ou preferem não opinar totalizaram 5%. Nesta questão, os nomes dos candidatos Léo Péricles e Soraya
Thronicke não foram citados por nenhum deles.

A AUTORA

Graduada em Jornalismo, Paula Litaiff tem especialização em Gestão de Políticas Sociais e, atualmente, é diretora executiva da Agência e Revista Cenarium. Há 16 anos, atua no Jornalismo de Dados, em Reportagens Investigativas e debate de temas sociais. Produziu matérias para veículos de comunicação nacional, como Jornal Estado de S. Paulo e Jornal O Globo. Seu trabalho jornalístico contribuiu na produção do documentário Killer Ratings da Netflix.


«

Comentários para este post estão fechados

A AUTORA

Graduada em Jornalismo, Paula Litaiff tem especialização em Gestão de Políticas Sociais e, atualmente, é diretora executiva da Agência e Revista Cenarium. Há 16 anos, atua no Jornalismo de Dados, em Reportagens Investigativas e debate de temas sociais. Produziu matérias para veículos de comunicação nacional, como Jornal Estado de S. Paulo e Jornal O Globo. Seu trabalho jornalístico contribuiu na produção do documentário Killer Ratings da Netflix.

Paula Litaiff é Diretora de Redação em

O SITE

O Site da Paula Litaiff tem como principal finalidade a emissão de opinião sobre diversos temas sociais, políticos e econômicos, levando o leitor à reflexão sobre a importância de se tornar um agente transformador da sociedade.


Tenho medo de escrever. É tão perigoso. Quem tentou, sabe. Perigo de mexer no que está oculto – e o mundo não está à tona, está oculto em suas raízes submersas em profundidades do mar. Para escrever tenho que me colocar no vazio. Neste vazio é que existo intuitivamente. Mas é um vazio extremamente perigoso…

(in Um Sopro de Vida | CLARICE LISPECTOR)